OSSC-JF celebra 5 anos

Em dezembro, a Obra Social Santa Catarina (JF) celebrou 5 anos de fundação em grande estilo.

Foram quatro dias de comemorações, com apresentações de grupos, oficinas e cursos oferecidos pela casa, como artesanato, corte e costura (que teve um desfile produzido pelas alunas com roupas confeccionadas por elas próprias), inglês, capoeira, música, literatura, nutrição e Palavra de Mulher (com a psicóloga Luciana Lucchesi).

Uma missa, celebrada pelo Padre Zuka, da paróquia Nossa Senhora de Fátima, vizinha à Obra Social, encerrou as festividades.

 

O impacto positivo da fé em tempos de crise

A ACSC esteve presente na 30ª edição do Business Club Healthcare, evento destinado à participação de gestores dos principais hospitais, operadoras e seguradoras de saúde do país. Representada pelo coordenador corporativo de, Celso Tomba, a ACSC participou do painel de encerramento do evento, “O impacto positivo da fé em tempos de crise”, realizado no dia 30 de novembro, no Centro de Convenções Rebouças, em São Paulo.

No mesmo evento, o diretor técnico do Hospital Santa Catarina, Dr. Julio Massonetto, foi premiado na categoria “Representando a Comunidade de CEOs”, em “reconhecimento pela participação, contribuição e engajamento na busca de melhores práticas de gestão e desenvolvimento do setor saúde”.

O painel de encerramento colocou em discussão o impacto da fé na gestão das instituições de saúde, e a importância da fé como componente emocional para cura dos pacientes e como elemento motivador para superação de obstáculos em períodos de crise.

Também participaram do mesmo painel a Irmã Monique Bourget (diretora técnica do Hospital Santa Marcelina), Irmã Eleanor Paloma (coordenadora da Pastoral da PUC Campinas), Fabio Romano (terapeuta corporal do Hospital Israelita Albert Einstein) e Tânia Machado (CEO da TM Jobs, promotora do evento).

Ano Santo da Misericórdia: Jubileu Extraordinário promulgado pelo Papa Francisco

“A misericórdia de Deus é para todos!”. Dessa forma, o Papa Francisco convida todos os cristãos católicos a celebrarem o Jubileu Extraordinário da Misericórdia, que teve início no dia 8 de dezembro, com o rito de abertura da Porta Santa, na Basílica de São Pedro, no Vaticano. “Sejamos misericordiosos como o Pai”, pede o Papa, lembrando que a Igreja precisa ser “casa que acolhe a todos, e não recusa ninguém”.

A abertura do Ano Santo acontece no aniversário de 50 anos do Concílio Vaticano II, reunião de padres e especialistas que modificou muitas coisas dentro da Igreja Católica. O Papa Francisco destacou a riqueza do Concílio, que promoveu um verdadeiro encontro entre a Igreja e os homens deste tempo. “Um encontro marcado pela força do Espírito que impele a sua Igreja a ir ao encontro de cada homem no lugar onde vive”, ressaltou.

O Papa Francisco destacou que este Ano Santo é uma oportunidade para que todos possam “descobrir a profundidade da misericórdia do Pai”, que a todos acolhe e vai pessoalmente ao encontro de cada um. “Ponhamos de lado qualquer forma de medo e temor, porque não se coaduna em quem é amado; vivamos, antes, a alegria do encontro com a graça que tudo transforma”. O Jubileu se estenderá até 20 de novembro de 2016.

Casas de SP participam de capacitação sobre inclusão de pessoas com deficiência

Cerca de 120 colaboradores das Casas de São Paulo participaram do programa de capacitação sobre Inclusão de pessoas com deficiência ministrado pela Consolidar – Educação Inclusiva nos Negócios, empresa parceira da Fundação Dorina Nowill, que tem por objetivo ajudar empresas a construir uma cultura inclusiva, transformando o olhar das pessoas para a diversidade humana.

Iniciativa do “Vida Plena”, programa de inclusão da ACSC, a ação de sensibilização aconteceu no início de dezembro, aproveitando a referência ao Dia Internacional das Pessoas com Deficiência (celebrado em 3 de dezembro), e foi dividida em dois módulos:

Conscientização de Gestores e Equipes – direcionado aos gestores de pessoas com deficiência.

Programa “Despertar” – direcionado aos colaboradores com deficiência da ACSC.

As duas capacitações tiveram como premissa preparar os participantes para a inclusão no ambiente corporativo, por meio de orientações e dinâmicas que reforçaram comportamentos adequados à convivência e estimularam as pessoas com deficiência a tornarem-se protagonistas de suas histórias.

ACSC participa de fórum internacional do IHI

A ACSC participou do “27th Annual IHI National Forum on Quality Improvement In Healthcare”, um dos mais importantes eventos mundiais dedicados à melhoria da qualidade do cuidado e à segurança do paciente. Promovido pelo Institute for Healthcare Improvement – IHI, instituto voltado à melhoria dos cuidados de saúde e parceiro da ACSC no programa “Salus Vitae”, o evento foi realizado em Orlando, EUA, entre os dias 6 e 9 de dezembro.

A diretora corporativa de Qualidade e Segurança do Paciente, Dra. Camila Sardenberg, e a gerente médica corporativa, Dra. Camila Lajolo, apresentaram o programa Salus Vitae durante uma sessão especial para participantes da América Latina, e também o pôster “Using the Global Trigger Tool to identify adverse events in a Brazilian Hospital” (Usando a Ferramenta de Gatilho Global para identificar eventos adversos em um Hospital Brasileiro).

Com autoria de Dra. Camila Lajolo, Eliana Argolo (especialista corporativo de Qualidade e Segurança do Paciente), Dr. Augusto Neno (diretor técnico da CSSJ) e Sandra Neves (supervisora do Serviço de Patrimônio Clínico da CSSJ), o pôster traz o resumo de um trabalho realizado na Casa de Saúde São José, que teve por objetivo avaliar a aplicação de uma ferramenta para identificação de eventos adversos relacionados ao cuidado de saúde.

Após avaliar 123 prontuários aleatórios de pacientes internados na CSSJ no período de julho a dezembro de 2014, a equipe do estudo identificou 39 “gatilhos” de eventos adversos, por meio da aplicação da metodologia Global Trigger Tool (GTT). A identificação e acompanhamento destes “gatilhos” é importante para que a equipe assistencial evite a ocorrência de eventos adversos nos pacientes. O estudo foi realizado entre março e agosto de 2015. É a primeira vez que a ACSC apresenta um pôster no congresso do IHI.